Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Portugal à Lupa

Há 13 anos a calcorrear o País como jornalista, percebi há muito que não valorizamos, como devíamos, o que é nosso. Este é um espaço que valoriza Portugal e o melhor que somos enquanto Povo.

Portugal à Lupa

Há 13 anos a calcorrear o País como jornalista, percebi há muito que não valorizamos, como devíamos, o que é nosso. Este é um espaço que valoriza Portugal e o melhor que somos enquanto Povo.

Portimão: CTT lançaram selos dedicados à indústria conserveira

Quando se abre não há atum nem sardinhas mas sim selos. Falamos da mais recente emissão filatélica dos CTT dedicada à indústria conserveira e que foi recentemente lançada no Museu de Portimão, erguido numa antiga fábrica de conservas, e que cedeu do seu arquivo todas as fotografias que ilustram esta nova coleção de selos.

 

lata-de-conservas-com-selos.jpg

 

Esta é a primeira vez, a nível mundial, que uma emissão de selos é apresentada ao público em latas de conserva.
Nesta emissão, foram incluídas 50 000 séries de selos dentro de latas de conserva, fechadas a autoclave, como as verdadeiras, e especialmente serigrafadas e preparadas para o efeito, mas em tudo idênticas às que se utilizam para comercializar o atum ou a sardinha.

 

Para esta iniciativa, os CTT contaram com a colaboração da mais antiga fábrica de conservas em laboração no mundo, a firma “Conservas Ramirez”, fundada em 1853 no Algarve, em Vila Real de Santo António.